0
Shares
Pinterest Google+

A canadense Air Transat, será a primeira companhia aérea norte-americana a operar o A321LR, anunciou em comunicado a Airbus. A Air Transat vai receber 10 aeronaves através de um contrato de leasing com AerCap, uma empresa irlandesa de locação de aeronaves comerciais. A companhia canadense espera que a primeira aeronave entre em serviço em 2019.

O A321LR é uma aeronave baseada no A321neo e até o momento captou mais de 80% da quota do mercado com mais de 1.400 pedidos firmes, de acordo com a Airbus.

A opção LR (Long Rang, ou Longo Alcance) é uma aeronave que pode voar até 4.000 milhas náuticas (6.437 quilômetros). Segundo a fabricante europeia, com esse recurso, a aeronave traz consigo um redução de 30% no custo operacional quando comparado com o concorrente mais próximo.

“Esta é uma aeronave ideal para o mercado norte-americano e, em particular, para uma operadora com a Air Transat”, disse John Leahy, Diretor de Operações responsável pelos clientes da Airbus.

O A321LR vai permitir que companhias aéreas acessem novos mercados de longa distância que anteriormente eram inacessíveis para uma aeronave de corredor único. Com capacidade para transportar 206 passageiros em uma configuração típica de duas classes, o A321LR oferece a possibilidade de cada passageiro transportar até três mochilas.

Veja também: Pilotos da Air Transat são presos por suspeita de consumo de alcool

Atualmente a família de aeronaves A320neo conta com mais de 5.100 encomendas para mais de 90 clientes. Desde o seu lançamento em 2010, a família A320neo já adquiriu a quota de 60% do mercado de aeronaves de corredor únido, segundo a Airbus.